Vista Alegre

Niceia

Um prato em cerâmica de Iznik, pertencente à coleção permanente da Fundação Calouste Gulbenkian, serviu de inspiração a um novo conjunto da Vista Alegre, que adota o nome grego da localidade em que aquela foi produzida (Niceia), entre os séculos XV e XVII. Criada por volta de 1580, esta peça de grande raridade reproduz um motivo decorativo otomano conhecido como “çintamani”, presente em louças e azulejos da época, assim como em carpetes e têxteis, entre outros itens. O motivo específico, transposto agora para Niceia, assume o significado particular de “força e coragem” na arte otomana.

 

Ordenar Por

  • Posição
  • Alfabética: A - Z
  • Alfabética: Z - A
  • Preço: Crescente
  • Preço: Decrescente
  • Criado em
FILTRO

Filtrar por

Limpar filtros
de $ a $
 

Ordenar Por

  • Posição
  • Alfabética: A - Z
  • Alfabética: Z - A
  • Preço: Crescente
  • Preço: Decrescente
  • Criado em